IMPOTÊNCIA SEXUAL,DISFUNÇÃO ERÉTIL E LIBÍDO – APESAR DA COMPLEXIDADE DA EREÇÃO PENIANA QUE PODE APRESENTAR A DISFUNÇÃO ERÉTIL IMPOTÊNCIA E “BROCHADA”, ESTA DOENÇA QUASE SEMPRE QUANDO CORRIGIDA OU COMPENSADO OS FATORES DESENCADEADORES PODE TER SOLUÇÃO SATISFATÓRIA!

Apesar da complexidade da ereção peniana que pode apresentar a Disfunção Erétil impotência e `brochada`, esta doença quase sempre quando corrigido ou compensado os fatores desencadeadores pode ter solução satisfatoria!

 

O sistema de ereção ou rigidez do pênis é um complexo fenômeno neurovascular que não se limita apenas ao fluxo de sangue arterial aumentado ou o relaxamento da musculatura da área nem mesmo do sangue venoso diminuído.
Existem outros fatores que se misturam com esses fatores como os problemas psicológicos hormonais neurológicos e os do tubo cavernoso(a esponja que absorve).

 

De um modo geral o inicio deste mecanismo de ereção ou endurecimento do pênis que começa no sistema nervoso central e se envolve nos aspectos psicogênicos (desejos, fantasias, percepção, olfato, etc) que controla dois sistemas nervosos paralelos de inervação que são`opostos`denominada sistema simpático e parasimpático do pênis, esse sistema é denominado de sistema de ereção psicogênicos.

 

Os fatores de estimulação originários da sensibilidade sensorial do pênis são extremamente importantes pelas urgência do processo e para tanto ele inicia um estímulo denominado um arco reflexo ou seja um mecanismo que envolve somente a região próxima do pênis, e não necessariamente tem contato com o cérebro este mecanismo em algumas circustâncias facilitam a ereção do pênis assim como ajudam a manter a ereção durante o ato sexual, isso nós denominamos de ereção reflexogênica um exemplo de analogia simples para que todos possam entender, este reflexo é semelhante ao jogador de futebol um goleiro que defende a bola por reflexo.

 

Existe problemas como o estado de flacidez dos músculos (musculatura lisa)que controla o corpo cavernoso(esponja)que é preenchido pelo sangue e leva ao inrrigecimento do sangue que esta contraído (tonosimpático), permitindo apenas que uma quantidade muito pequena de sangue entre na cavidade do pênis para afins de nutrir qualquer órgão.

 

Todos os estímulos psíquicos ou físicos dos órgãos genitais ativam o sistema autonômo na medula espinhal(arco reflexo)que irão transmitir impulsos nervosos aos nervos do corpo cavernoso. Este por sua vez promovem a liberação de diversos neurotransmissores que promovem a vasodilatação das artérias da musculatura lisa do corpo cavernoso facilitando o fluxo do sangue para dentro do pênis conforme o sangue penetra do corpo cavernoso comprime uma série de veias dificultando a saída mecânica de dentro do corpo cavernoso portanto mantendo a rigidez.

 

Existe outros músculos da região da pélvis que interferem dando a rigidez final do pênis .
Entretanto no nível molecular achamos que existem algumas substância como acetilcolina que é liberada pelo sistema nervoso(parasimpatico)haja também no revestimento dos vasos liberando uma quantidade de neurotransmissores.

 

Nessas condições procure um endocrinologista para regularizar a fisiologia do seu organismo.
Atualmente o oxido nítrico talvez seja o mais importante neurotransmissor além de outros como: prostaciclina, e outras substâncias (VIP) que pode interferir neste processo também.

 
12